Alta da commodity do minério no país tem impulsionado o mercado internacional.

Na segunda e na terça-feira dessa semana, o valor do minério de ferro na China aumentou quase 10%. O minério de ferro negociado no porto de Qingdao no litoral da China subiu 4,40% nesta quarta-feira (28), cotado a US$ 62,33 a tonelada, após pesquisa apontar melhora da economia chinesa no segundo trimestre. O aumento registrado da commodity foi de 9,6% em dois dias.

Com a alta do minério ações das mineradoras Rio Tinto e BHP Billiton negociadas em Londres subiram 0,76% e 0,81%, respectivamente. Até o momento, os American Depositary Receipts (recibos de ações emitidos nos EUA para negociar ações de empresas de fora do país na Bolsa de Nova York) da Vale não registraram negociação no pré-market da Nyse (New York Stock Exchange).

De acordo com pesquisa elaborada pelo instituto China Beige Book International, a economia chinesa continua apresentando sinais de melhora no segundo trimestre, com aumento dos lucros das empresas e das contratações.

A pesquisa publicada e a fala do primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, na última terça-feira, afirmando que a China é absolutamente capaz de atingir sua meta de crescimento anual de 6,5% e controlar os riscos sistêmicos, são considerados fatores de peso para alta no minério de ferro.

Os contratos futuros do minério negociados na cidade chinesa de Dalian também reagiram positivamente e encerraram o dia com alta de 3,15%, cotados a US$ 67,37 por tonelada, o que equivale a 458 iuanes.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui