Estatal do petróleo vai contratar sistema de gestão de contratos

0
1546
Stena DrillMAX da empresa Repsol Sinopec Brasil. Foto: Marco Pinto

Software vai supervisionar dados de operações dos consórcios, entre outras informações.

A estatal Pré-Sal Petróleo (PPSA), responsável por representar a União nos contratos de partilha de produção, lançou uma licitação para a contratação de um sistema de gestão de gastos referentes aos contratos de exploração e produção de petróleo.

Em nota, a PPSA comunicou que a realização de um pregão eletrônico está programado para 6 de março. As empresas que podem participar são as brasileiras que trabalham com tecnologia da informação e que fornecem software como serviço.

A estatal é encarregada de efetuar o reconhecimento de custos dos projetos, o que passará a ser realizado pelo novo sistema, chamado Sistema de Gestão de Gastos de Partilha de Produção. A previsão é que o projeto esteja em funcionamento no segundo semestre de 2019.

Segundo a empresa, as petroleiras que fizerem o acordo ficarão responsáveis por, mensalmente, carregar dados no sistema. “Cada operador terá acesso apenas ao seu projeto. A Pré-Sal Petróleo terá um painel de controle por meio do qual supervisionará o desempenho de cada consórcio, além de calcular os volumes de produção que cabem à União”, informou a estatal por meio de nota.

Em novembro de 2017, na área de libra, no pré-sal da Bacia de Santos, a PPSA identificou mais de 45 linhas de custo. O número tende a crescer com o aumento da operação e a entrada dos novos contratos.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui