ArcelorMittal inaugura tecnologia inédita no Brasil

0
1732
Usina ArcelorMittal Tubarão (ES). Foto: ArcelorMittal/ Divulgação.

O equipamento foi lançado no dia 9 de fevereiro e já é usado nos Estados Unidos, Alemanha e França.

A ArcelorMittal Tubarão, no Espírito Santo, inaugurou na unidade o equipamento Gas Cleaning Bag Filter, que levará a empresa como benchmark nacional (busca de práticas melhores), especificamente na área de controle ambiental.

De acordo com informações divulgadas pela companhia, o dispositivo comporta um sistema de filtros que promove a limpeza do gás por meio da retenção física de partículas. Ele será posicionado após os precipitadores eletrostáticos, já existentes na unidade, para potencializar ainda mais a filtragem do material particulado contido nos gases do processo de Sinterização, que de acordo com a empresa, é a principal fonte de emissões poluentes.

O produto teve investimento de R$ 101 milhões e, segundo a Arcelor, já foi utilizado no processo de sinterização da usina e deverá reduzir em 18% as emissões totais de material particulado da empresa.

O valor aplicado no projeto é parte dos R$ 400 milhões destinados ao plano de investimento da empresa, que teve início em 2014, para aprimorar seu sistema de controle ambiental.

A tecnologia

A ArcelorMittal Tubarão fez uma série de estudos para identificar as causas da visibilidade das emissões na área da Sinterização. Em uma parceria entre a companhia e o Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema) a decisão foi para o uso da tecnologia Gas Cleaning Bag Filter. Sua implantação fará da usina a pioneira no Brasil que apresenta uma sinterização mais moderna.

Além da unidade de Tubarão, a organização adquiriu mais três equipamentos semelhantes para suas plantas na Bélgica e na Polônia.

O processo de monitoramento da tecnologia será contínuo e feito por meio de um sistema instalado na chaminé, que pode ser acessado online. Os resultados serão reportados mensalmente aos órgãos ambientais competentes.

*Sob supervisão de Sara Lira.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui