Certame está previsto para ocorrer no dia 7 de junho deste ano.

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) recebeu 16 manifestações de interesse para a 4ª Rodada de Partilha da Produção, número recorde para rodadas nesse regime.

O órgão destacou, na última terça-feira (24), que os pedidos de inscrição dessas empresas ainda precisam ser analisados pela Comissão Especial de Licitação.

Prevista para o próximo dia 7 de junho, a 4ª Rodada ofertará as áreas de Itaimbezinho, Três Marias, Dois Irmãos e Uirapuru, no pré-sal das bacias de Campos e Santos.

A ANP destaca que nas licitações sob o regime de partilha da produção, as empresas vencedoras são as que oferecem ao Estado brasileiro, a partir de um percentual mínimo fixado no edital, a maior parcela de petróleo e gás natural produzido, ou seja, a maior parcela de excedente em óleo. Os bônus de assinatura, também determinados no edital, são fixos.

Veja abaixo o resumo das áreas:

Bacia de Santos

Setor SS-AUP1
Bloco em oferta: Três Marias
Área em oferta: 821,45 km²
Bônus de assinatura: R$ 100 milhões
Percentual mínimo de excedente em óleo: 8,32 %
Setor SS-AUP2
Bloco em oferta: Uirapuru
Área em oferta: 1.285,33 km²
Bônus de assinatura: R$ 2,6 bilhões
Percentual mínimo de excedente em óleo: 22,18 %

Bacia de Campos

Setor SC-AP4
Bloco em oferta: Itaimbezinho
Área em oferta: 710,54 km²
Bônus de assinatura: R$ 50 milhões
Percentual mínimo de excedente em óleo: 7,07 %
Setor SC-AP5
Bloco em oferta: Dois Irmãos
Área em oferta: 1.414,26 km²
Bônus de assinatura: R$ 400 milhões
Percentual mínimo de excedente em óleo: 16,43 %

*Sob supervisão de Sara Lira

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui