Segundo empresa, manutenção de unidades impactaram no resultado mensal.

A produção de petróleo e gás da Petrobras caiu aproximadamente 4,9% no mês de agosto, a 2,47 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed), impactada pela concentração de paradas programadas para manutenção.

No total, foram produzidos 2,35 milhões de boed no Brasil e 116 mil no exterior. A produção total operada da companhia, incluindo parcela própria e de parceiros, foi de 3,15 milhões de boed, sendo 2,99 milhões no Brasil.

Segundo a empresa, as manutenções que impactaram na queda ocorreram no FPSO Cidade de Angra dos Reis e no FPSO Cidade de Maricá, localizados no campo de Lula no pré-sal da Bacia de Santos, nas plataformas P-25 e P-31, localizadas no campo de Albacora no pós-sal da Bacia de Campos, e da continuidade da parada da plataforma de Mexilhão.

Mesmo com a redução, a empresa afirmou que “mantém o seu compromisso com a meta de produção divulgada no Plano de Negócios e Gestão 2018-2022, tendo em vista o ramp-up de produção das plataformas que já iniciaram operação esse ano (P-74, no campo de Búzios, e FPSO Cidade de Campos, no campo de Tartaruga Verde e Mestiça) e o início da produção de novos sistemas previstos para o 4º trimestre de 2018”, conforme nota divulgada pela petrolífera.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui