Resultado positivo foi impactado pela operação do S11D, no Pará.

A Vale quebrou o recorde da produção de minério de ferro no terceiro trimestre de 2018. De acordo com balanço divulgado nesta segunda-feira (15), foram produzidos 104,9 milhões de toneladas (Mt) no período, contra 96,8 Mt no segundo trimestre, um aumento de 8,5%.

Com isso, houve recorde de vendas de minério de ferro e pelotas no total de 98,2 Mt no período, ficando 4,7 Mt acima do recorde anterior obtido no quatro trimestre. Os produtos premiums representaram 79% das vendas totais no terceiro trimestre, contra 77% no segundo.

A principal explicação para o resultado é a operação do S11D, em Canaã dos Carajás (PA). “A tecnologia inovadora do sistema truckless está provando ser eficaz e aderente ao planejamento físico. A produção anual em 2018 ficará em linha com o limite superior do guidance de 50-55 Mt”, destacou a empresa, por meio de nota.

Pelotas

O recorde também foi alcançado na produção trimestral de pelotas, que atingiu 13,9 Mt, ficando ,1 Mt acima do segundo trimestre. O dado foi impulsionado pelo ramp-up das plantas de pelotização I e II de Tubarão (ES).

“O desempenho acumulado no ano, juntamente com o reinício da planta de pelotização de São Luís no 3T18, levará a Vale a atingir suas metas de produção de 55 Mt em 2018 e de 60 Mt em 2019”, disse a mineradora.

Cobre

Já a produção de cobre alcançou 94.500 toneladas no terceiro trimestre, ficando 3.400 toneladas abaixo do período anterior. Os motivos foram a parada de manutenção programada anual na planta de Sudbury, no Canadá e também a decisão estratégica de reduzir a produção em Voisey’s Bay, no mesmo país, para estender a vida útil da mina. A planta será expandida para operação subterrânea.

Carvão

A produção de carvão apresentou alta de 11,3% na comparação com o trimestre anterior, atingindo um total de 3,2 Mt. “O negócio de carvão está revisando seus planos de lavra e padrões operacionais para garantir um crescimento sustentável a partir de 2019”, disse a Vale.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui