Nexa aprova projeto de cobre com investimento de US$ 392 mi

0
7588
Fase de pesquisas e sondagens realizadas no projeto Aripuanã. Foto: Projeto Aripuanã/ Divulgação.

Projeto Aripuanã, no Mato Grosso, deve iniciar a operação em 2021.

O Conselho de Administração da Nexa Resources aprovou o início da construção do projeto Aripuanã, no Mato Grosso, que vai extrair e beneficiar concentrados de zinco, cobre e chumbo. No total serão investidos US$ 392 milhões.

De acordo com comunicado à investidores divulgado na sexta-feira (19), a operação está prevista para iniciar em 2021. A produção média equivalente de zinco é estimada em 120 mil toneladas por ano durante 13 anos.

O projeto é sustentável, com empilhamento a seco para resíduos e recirculação de água próximo dos 100%, entre outras novidades, como utilização de automação.

“Há um aumento significativo da produção média esperada de acordo com o relatório técnico recente em comparação com as estimativas anteriormente divulgadas. Essa escala maior nos trouxe eficiências importantes no capex em comparação com a produção em cenários anteriores”, destacou o CEO da Nexa, Tito Martins, em nota.

Segundo ele, o projeto Aripuanã contribui para o plano de longo prazo da Nexa de aumentar a produção de mineração e reduzir as necessidades de suprimento de concentrado de zinco de terceiros.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui