Perfuração de “shale” influenciou no aumento e nos resultados positivos.

A produção de petróleo dos Estados Unidos bateu, pela primeira vez, a marca de 11 milhões de barris por dia (bpd). O dado foi divulgado nesta quarta-feira (18) pelo Departamento de Energia norte-americano.

De acordo com informações da agência de notícias Reuters, o número representa um aumento rápido na produção, já que os dados, se confirmados por números mensais, colocam os Estados Unidos apenas atrás da Rússia como o maior produtor mundial de petróleo. O país das Américas adicionou quase um milhão na produção desde novembro do ano passado devido ao aumento na perfuração de “shale”.

Os estoques de petróleo cresceram 5,8 milhões de barris na semana encerrada em 13 de julho, ao contrário das expectativas dos analistas de queda de 3,6 milhões de barris.

Já na Rússia, a produção de petróleo subiu para 11,2 milhões de bpd no início de julho, de acordo com a Reuters.

 

Com informações da Reuters.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui