Ministro Fernando Coelho fala sobre privatização da Petrobrás

0
2614
Ministro de Minas e Energia (MME), Fernando Coelho Filho - Foto Divulgação

Em rede nacional, ministro de Minas e Energia afirmou que a privatização deve ocorrer, mas não no momento.

O ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, afirmou nesta terça-feira, 3, que o governo de Michel Temer não avalia a privatização da Petrobras. A explicação veio após uma entrevista feita pelo ministro no programa Roda Viva, da TV Cultura, na terça-feira, dia 2, quando ele comentou essa possibilidade.

“Não estamos tratando disso [da privatização da Petrobras]. Estamos tratando de [privatização da] Eletrobras”, disse o ministro, após participar de audiência pública no Senado Federal.

No programa de tevê, o ministro afirmou que acreditava que a privatização da Petrobras iria ocorrer, mas que não por agora. “Eu acho que isso vai acontecer. É um caminho, mas o governo não pode tocar todas as agendas ao mesmo tempo”, afirmou Coelho Filho. Segundo ele, a ação ainda está fora de cogitação.

No programa, a economista Elena Landau, ex-conselheira da Eletrobras, avaliou que grande parte da população brasileira apoia a privatização de estatais e defendeu que o governo deveria aproveitar o momento para avançar mais no programa de desestatização. “Por que não se aproveita o momento positivo e não se fala de Petrobrás?”, perguntou.

“Concordo com tudo o que você falou”, disse o ministro, sugerindo que o tamanho do Estado fará parte da discussão da próxima campanha eleitoral. Entretanto, ele considerou que a privatização da Eletrobras “é um desafio enorme” para o ministério e que “precisa ser vencido diariamente”, completou Coelho Filho.