Trump libera áreas no estado de Utah para mineração

0
4126

Monumentos nacionais usados como parques serão reduzidos para produção mineral e rural.

Nessa semana o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tomou a decisão de liberar novas áreas para mineração. Para isso, Trump reduziu duas áreas que até então eram protegidas como monumentos naturais. Os dois territórios estão localizados no estado de Utah.

Os territórios serão destinados à perfuração e exploração mineral e também produção rural e pesca. Segundo a Federação Agrícola Americana, as proibições e restrições nessas áreas protegidas, conhecidas como monumentos nacionais, vinham prejudicando produtores norte-americanos.

Um dos monumentos é o Bears Ears National Monument, que foi criado pelo governo de Barack Obama em 2016, e será reduzido em 85%. O segundo, Grand Staircase-Escalante, foi criado por Bill Clinton em 1996 e terá metade de seu espaço reduzido.

Os monumentos norte-americanos são reservas protegidas sob jurisdição federal e extinguem direitos de produtores rurais privados de usar o terreno. As áreas são utilizadas como parques nacionais, o que pode gerar resistência na decisão por parte de comunidades indígenas que consideram os locais sagrados.

“Eu fiquei incrivelmente grato que o presidente ligou nesta manhã para nos avisar que está aprovando a recomendação do secretário Zinke sobre Bears Ears”, disse o senador Orrin Hatch, de Utah, à agência de notícias Reuters.

Segundo o grupo, a decisão de reduzir o tamanho de duas áreas protegidas no Estado de Utah devolverá direitos a agricultores e pecuaristas. E também ajuda a reverter a situação criada durante o governo de Barack Obama.