Vale negocia saída da BHP da joint venture com a Samarco

1
4829
Foto: Guilherme Bergamini/ ALMG.

Expectativa da mineradora brasileira é que, com um único proprietário, a Samarco volte a operar mais rapidamente.

A Vale está negociando com a BHP Billiton sobre o futuro da joint venture Samarco. De acordo com informações obtidas e divulgadas pela agência de notícias Reuters, a expectativa é que a companhia brasileira compre a participação da anglo-australiana no ativo. O preço da negociação ainda está sendo discutido. A Vale e a BHP informaram que não iriam comentar as informações.

A Samarco está paralisada desde novembro de 2015, quando a barragem de rejeitos de Fundão se rompeu em Mariana (MG), provocando a destruição do distrito de Bento Rodrigues, matando 19 pessoas e causando impactos ambientais incalculáveis.

De acordo com a Reuters, a Vale avalia que a Samarco pode voltar com a atividades mais rapidamente, acelerando os trabalhos de reparação aos atingidos, se tiver um único proprietário.

Ainda segundo a agência de notícias, o acordo depende da vontade da BHP sair da parceria. Atualmente, a Samarco é a única operação de minério de ferro de propriedade da anglo-australiana fora da Austrália.

Em dezembro, a Vale chegou a afirmar que, devido à situação de caixa da Samarco, provavelmente iria contribuir com R$ 432 milhões no primeiro semestre deste ano, para medidas de restauração do meio ambiente afetado pelo rompimento da barragem.

Com informações da Reuters.

 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui