Homem é preso com uma tonelada de tantalita no Amapá

0
2834
Minério estava armazenado ilegalmente dentro de um navio de transporte de passageiros. Foto: Batalhão Ambiental/ Divulgação.

Polícia chegou até o suspeito por meio de denúncia anônima. Ele não revelou a origem do minério nem para quem iria entregá-lo.

Um homem de 31 anos foi preso transportando de forma ilegal mais de uma tonelada de tantalita no Amapá. De acordo com informações divulgadas pelo portal G1, a Polícia Militar flagrou o crime na segunda-feira (21) dentro de uma embarcação em um porto o município de Santana, a 17 quilômetros da capital, Macapá.

A informação chegou até o Batalhão Ambiental por meio de denúncia anônima. O minério estava armazenado dentro de um navio de transporte de passageiros. De acordo com a PM, o suspeito confirmou que os 1.338 quilos do pó de tantalita eram dele.

O homem foi conduzido até a Superintendência da Polícia Federal para prestar depoimento, uma vez que cometeu crime ambiental de poluição, mas não há informações se ele ficou preso pela PF. Ainda segundo a Polícia Militar, foi lavrado um auto de infração ambiental e o termo de apreensão para encaminhar o minério ao Instituto do Meio Ambiente e de Ordenamento Territorial do Amapá (Imap).

A tantalita possui alto valor comercial devido ao uso no mercado de eletrônicos. É ela quem dá origem ao tântalo, cujo beneficiamento se dá por meio de um processo minucioso. Depois de extraída, a rocha que contém o minério tantalita é britada e moída, seguindo para os processos de pré-concentração, concentração, flotação e envio para o forno siderúrgico onde é formada uma liga, pronta para uso no fim a que é necessário.

Com informações do G1.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui