Última etapa do leilão ocorreu rendeu negociações de mais de R$ 2 bilhões.

O 61º leilão de Biodiesel da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP), realizado na quarta-feira (21), arrematou 1,01 bilhão de litros (volume obrigatório e voluntário) de biodiesel. Destes, 1,008 bilhão de litros foi para mistura obrigatória, como informou o órgão.

O preço médio do produto foi de R$ 2,631/L, sem considerar a margem Petrobras. A ANP destacou que o valor total negociado chegou a R$ 2,65 bilhões, o que refletiu num deságio médio de 14,32% quando comparado com o preço máximo de referência médio (R$ 3,070/L). Em relação ao leilão passado, o preço médio teve um aumento de 8,5%.

Etapa

De acordo com a ANP a apresentação e a seleção de ofertas de biodiesel para mistura voluntária ao óleo diesel ocorreram em um único dia (20/06), onde foram disponibilizados 2,700 milhões de litros, sendo 100% de produtores detentores do selo Combustível Social.

Este volume representa 8% do saldo total de oferta não vendida para fins de adição obrigatória. Foram negociados 445 mil litros de biodiesel, representando 16% do total ofertado no leilão autorizativo.

*Sob supervisão de Sara Lira

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui