Transação vai render US$ 383,5 milhões de entrada de caixa.

A Petrobras assina, nesta quarta-feira (27), o contrato que permite a venda de distribuidoras da empresa no Paraguai. A assinatura será feita pela Petrobras International Braspetro B.V. (PIB BV), subsidiária da Petrobras, e a Corporación Paraguaya Distribuidora de Derivados del Petróleo S.A., empresa do Grupo Copetrol.

A decisão foi aprovada pelo Conselho de Administração da companhia em reunião realizada na terça-feira (26). A autorização é para a assinatura do contrato de compra e venda (Sale and Purchase Agreement – SPA) referente à alienação integral da participação societária da Petrobras nas empresas Petrobras Paraguay Distribución Limited (PPDL UK), Petrobras Paraguay Operaciones y Logística SRL (PPOL) e Petrobras Paraguay Gas SRL (PPG) para o Grupo Copetrol.

O Grupo Copetrol atua na distribuição de combustíveis e GLP no Paraguai, contando com uma rede de cerca de 350 estações de serviço e terminais de armazenamento.

Segundo a Petrobras, as empresas vendidas atuam no Paraguai no mercado de distribuição e comercialização de combustíveis, GLP, lubrificantes e outros produtos especiais, em uma rede de 197 estações de serviços, além de um terminal de armazenamento próprio e operações em três aeroportos.

A expectativa é que a venda gere US$ 383,5 milhões de entrada de caixa, o equivalente a cerca de R$ 1,45 bilhão. Deste total, US$ 49,3 milhões serão pagos no atoa da assinatura do contrato, como adiantamento na forma de depósito em uma conta garantia (escrow account) e US$ 334,2 milhões que serão pagos no dia do encerramento da transação, incluindo aproximadamente US$ 55 milhões referentes ao caixa das empresas.
“O valor da venda ainda está sujeito a ajustes em razão das variações de capital de giro até o fechamento da operação”, informou a Petrobras, por meio de nota.

Já a conclusão da transação está sujeita aos tramites de aprovação segundo as normas e leis do Paraguai. A operação faz parte do Programa de Parcerias e Desinvestimentos da Petrobras.

Mudança na diretoria

O engenheiro Rafael Silva Grisolia foi eleito para o cargo de Diretor Executivo Financeiro e de Relacionamento da Petrobras. O mandato será até 26 de março de 2019, mesmo prazo de gestão dos demais membros da Diretoria Executiva. A decisão foi tomada pelo Conselho Administrativo ne terça-feira (26).

Grisolia é engenheiro de produção, com MBA pela Coppead/UFRJ e possui experiência de mais de 30 anos em gestão, com atuação em grandes empresas nacionais e internacionais. Desde agosto de 2017, atua como Diretor Executivo Financeiro e de Relações com Investidores da Petrobras Distribuidora S.A. (BR).

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui