GasBrasiliano projeta expansão de gás natural em São Paulo

0
3204
GasBrasiliano anuncia expansão de projeto de gás natural. Foto: GasBrasiliano/ Divulgação.

Cidade beneficiada no empreendimento é Ribeirão Preto, no noroeste do estado.

A região de Ribeirão Preto, no noroeste do Estado de São Paulo, ganhará nos próximos cinco anos, mais de 190 quilômetros novos de rede de distribuição de gás natural, como informou a GasBrasiliano por meio de nota. A ampliação tem o objetivo de atender à demanda cada vez mais crescente nos segmentos residencial, comercial, industrial e automotivo.

O plano de expansão conta com um orçamento superior a R$ 135 milhões e prevê a duplicação da malha dutoviária atual, compreendendo projetos de grande porte para a viabilização do gás natural canalizado nas cidades de Orlândia, Jardinópolis, São Simão, Dumont e Sertãozinho.

“A região de Ribeirão Preto contabiliza hoje mais de 11 mil consumidores de gás natural canalizado. Duplicar a rede de distribuição em uma região de alto desenvolvimento econômico como esta significa disseminar ainda mais a presença do gás natural, importante fonte de energia mundial que permite a transição energética para uma economia de baixo carbono e que contribui com a mobilidade urbana”, ressalta o diretor-presidente da GasBrasiliano, Walter Fernando Piazza Júnior.

Na cidade de Ribeirão preto, a estimativa é de um total de 13,5 mil ligações de gás natural canalizado nos bairros de Sumarezinho, Campos Elíseos, Vila Tibério, Centro, Jardim Paulistano, Jardim Paulista, Iguatemi, Jardim Sumaré, Alto da Boa Vista e Quinta da Primavera.

De acordo com o prefeito da cidade, Duarte Nogueira, o recurso oferece muitos benefícios. “O gás natural canalizado trouxe inúmeras melhorias para a infraestrutura de Ribeirão Preto e essa ampliação da rede de distribuição trará ainda mais benefícios, pois mais pessoas e empresas terão acesso a essa fonte energética que é moderna, segura, econômica e mais sustentável”, disse

Nogueira ainda acrescentou que o gás natural agrega mais valor aos produtos industrializados, gerando maior competitividade às indústrias e contribuindo para o crescimento da economia local.

*Sob supervisão de Sara Lira