Vale vai receber R$ 1,22 bi do BNDESPar por ações da VLI

0
248
Foto: Agência Vale

Braço de investimentos do BNDES exercerá opção de compra de 8% do capital da VLi Logística.

A Vale (VALE3) anunciou na quarta (09/12) que vai receber R$ 1,223 bilhão depois que o BNDES Participações (BNDESPar), braço de investimentos do BNDES, exercer a opção de compra das ações da VLI Logística.

Em comunicado ao mercado, a Vale declarou que foi notificada pelo BNDESPar sobre o exercício integral da opção de compra das ações da VLI que são detidas pela Vale. A operação prevê a compra de até 8% do capital da VLI.

Segundo comunicado, este acordo com o BNDES data de 2015, quando firmaram entendimentos sobre debêntures para financiamento da expansão da Ferrovia Norte Sul, atualmente operada pela VLI. “Com o exercício de opção a Vale receberá, por 8% de participação na VLI, cerca de R$ 1,223 bilhão no dia 11 de dezembro de 2020, passando a deter 29,6% do total de ações da VLI”, informou a mineradora.

Vale informa sobre evolução de venda no Canadá

A venda da participação na VNC deve ser concluída no primeiro trimestre de 2021. Uma reserva de US$ 500 milhões será refletida nas demonstrações financeiras consolidadas da mineradora.

A companhia também informou que sua subsidiária Vale Canada Limited (VCL) assinou um acordo vinculante de opção de venda de sua participação na Vale Nouvelle-Calédonie (VNC), sinalização de que as negociações estão avançando.

Em novembro, a Vale anunciou um período de exclusividade para negociações com um consórcio composto pela Prony Resources, liderada pela atual administração e funcionários da VNC e apoiada pelas autoridades caledonianas e francesas, com a Trafigura como acionista minoritária.

Em setembro, a Vale tentou vender a participação para a New Century Resources Limited (NCZ), mineradora australiana, mas a operação não foi adiante. A VNC é produtora de níquel.

 

Fonte Suno Notícias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui