Vale desembolsou R$ 32,4 bilhões em Minas Gerais em 2020

511

Compras com fornecedores locais totalizaram R$ 15 bilhões e R$ 2,17 bilhões foram pagos em impostos.

A Mineradora Vale desembolsou o equivalente a R$32,4 bilhões em Minas Gerais em 2020, considerando investimentos e custeios. O valor inclui ações sociais e ambientais, tanto voluntárias quanto obrigatórias. O montante gasto em compras com fornecedores locais foi de R$ 15 bilhões, movimentando a economia dos municípios onde a empresa atua. Os números fazem parte do Balanço Vale+, relatório divulgado pela empresa com informações sobre sua atuação econômica, social e ambiental.

Os investimentos ambientais da mineradora em Minas Gerais somaram R$1,2 bilhão e os sociais  chegaram a R$ 893 milhões. Foram realizadas diversas iniciativas voltadas para o desenvolvimento dos territórios, em frentes como cultura, geração de trabalho e renda, melhoria da saúde e qualidade de vida das comunidades.

As operações da empresa no Estado empregaram, no ano passado, 38 mil pessoas, considerando mão de obra própria e prestadores de serviço. Os empregos gerados representaram uma massa salarial de R$2,2 bilhões em circulação na economia mineira.  Além disso, R$ 2,17 bilhões foram repassados em tributos para os governos municipal, estadual e federal, referentes a Cfem, ICMS, ICMS Importação, TFRM e ISS. A produção de minério de ferro no período foi de 105 milhões de toneladas.

 

Com informações da Agência Vale.