Goldman Sachs projeta preço médio do minério de ferro a US$ 195 no 2º semestre

0
162
Pilha de minério de ferro. Créditos: Agência Vale

Banco de investimentos eleva projeção, contra um preço de US$ 117 por tonelada sugerido anteriormente para o mesmo período.

O banco americano Goldman Sachs mudou sua projeção de preço de minério de ferro para uma média de US$ 195 por tonelada no segundo semestre deste ano, contra um preço de US$ 117 por tonelada sugerido anteriormente.

O Goldman também elevou a meta de preço do minério para o ano de 2022 de US$ 95 para US$ 160 a tonelada, e de 2023 de US$ 80 para US$ 120 a tonelada.

As novas metas para três, seis e 12 meses são de US$ 195, US$ 180 e US$ 160, respectivamente, o que sugere que a curva futura está antecipando uma trajetória de preços muito pessimista, principalmente durante o primeiro semestre do próximo ano.

Nesta quarta-feira (14/07), o contrato mais negociado do minério de ferro na bolsa de commodities de Dalian, para setembro, fechou em alta de 0,8%, a 1.219,50 yuanes (US$ 188,36) por tonelada.

Já na bolsa de Cingapura, o vencimento mais ativo do minério de ferro, para agosto, apurava queda de 0,5%, a US$ 209,15 por tonelada. No Porto de Qingdao o preço fechou a US$ 218,66, alta de 0,08%.

 

Fonte: Valor.

 

Voltar