Usiminas atuará na construção de ponte no Maranhão

0
3519
Com 589 metros de extensão, a via possibilitará a redução de até 70 Km do atual trajeto entre cidades e a capital São Luís - Foto: Reprodução Vídeo

Empresa é responsável por fabricação e montagem de vigas em aço para estrutura de 589 metros em construção sobre o rio Pericumã.

A Usiminas Mecânica, do grupo Usiminas, é a responsável pela fabricação e montagem de vigas em aço para uma ponte rodoviária em construção sobre o rio Pericumã, no Maranhão. A ponte está sendo construída pelo consórcio Epeng e FN soldagens e é solicitada há mais de 40 anos.

Com 589 metros de extensão (aproximadamente cinco campos de futebol), a via possibilitará a redução de até 70 km do atual trajeto entre cidades locais e a capital São Luís. Com isso, 13 municípios da região da Baixada Maranhense terão acesso ao terminal portuário de Cujupe, e o interior do estado à capital São Luís.

Segundo informado pela empresa, as obras começam já em novembro próximo, com conclusão do serviço previsto para julho de 2018. Estima-se a geração de 60 postos de trabalho, sendo cerca de 40% deles ocupados por mão-de-obra local. Os demais deverão ser contratados em Ipatinga, onde ocorre a fabricação das peças.

O contrato com o consórcio inclui detalhamentos do projeto na parte de estruturas metálicas, fornecimento das bobinas de aço para as camisas dos pilares, fabricação das vigas, transporte e montagem da ponte no local. A ponte terá estrutura mista, composta por concreto e aço.

As primeiras vigas longarinas serão despachadas pela fábrica de Ipatinga no mês de janeiro de 2018. “Serão usadas 1.575 toneladas de aço Usiminas, o USI SAC 350, produto de alta resistência mecânica e à corrosão atmosférica. São vigas para 14 vãos de 42 metros de extensão cada, com altura que permite a passagem de embarcações em navegação pelo rio,” detalha o gerente do projeto, Ronaldo Alves de Freitas. Também estão inclusas 400 t de aço em bobinas para as chamadas camisas metálicas das fundações.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui