Total não desiste de explorar Foz do Amazonas

0
3160
Plataforma de exploração da Total na Nigéria. Foto: Total/ Divulgação.

Ibama negou, pela quarta vez, licença para perfuração próxima a área de corais.

A Total não desistiu dos planos de perfurar a Foz do Amazonas, mesmo após o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) rejeitar o pedido de licença da empresa francesa pela quarta vez.

Uma expedição, no mês passado, de ativistas ambientais do Greenpeace documentou corais na área onde a Total planeja perfurar.

O presidente-executivo da companhia, Patrick Pouyanne, disse que a petroleira não vai abandonar o projeto e irá correr atrás de seus direitos, respeitando as leis brasileiras. “Também está claro que os reguladores ambientais do Brasil estão sob imensa pressão de outras organizações. Estamos trocando informações com eles”, acrescentou.

Em abril, o Ministério Público Federal (MPF) já havia recomendado ao Ibama indeferir a licença, pois a exploração perto dos corais poderia causar danos ao meio ambiente.

De acordo com informações da agência de notícias Reuters, o Ibama alegou que os estudos apresentados pela Total eram insuficientes para o consentimento para a perfuração e exploração de petróleo e gás na região.

A recusa do órgão em aceitar o estudo de impacto ambiental da Total já adiou por mais de quatro anos os planos da empresa para explorar a bacia marítima. A Foz do Amazonas pode conter até 14 bilhões de barris de petróleo.

Com informações da Reuters

*Sob supervisão de Sara Lira

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui